quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

TURISMO NO NORDESTE: DESCUBRA RECIFE

Recortada por dois rios e ligada por 39 pontes, a capital pernambucana esconde tesouros culturais. Com quase 500 anos de história, Recife é uma cidade de muitos encantos

CVB Recife 03/12/2008


Historiadores contam que seu nome surgiu em conseqüência dos corais naturais formados de pedras e algas marinhas chamados arrecifes – presentes em boa parte de seu litoral.

O clima tropical o ano todo convida a tomar uma água de coco bem gelada e a passear pelo calçadão da famosa praia de Boa Viagem. Estando a cerca de três metros abaixo do nível do mar, e entrecortada por pontes e rios, a capital do Estado de Pernambuco é também conhecida como a Veneza brasileira.

As belezas naturais são indiscutíveis. A culinária peculiar e saborosa é de dar água na boca! Como as frutas suculentas da região, caju, manga, jambo, goiaba, graviola, pinha, cajá, pitanga, acerola etc. Tem frutas para todos os períodos do ano.

Capital patrimônio histórico e artístico nacional, Recife é dona de um acervo cultural invejável – riquíssimo em diversidade e efervescência. Uma indústria de revelar e exportar artistas e berço de tantos outros talentos já consagrados. E que povo acolhedor! Alegre e festivo, não abre mão de um bom forró, dança típica pernambucana nas festas juninas, ou mesmo de pular ao som do frevo, ritmo alucinante e contagiante do carnaval considerado o maior do mundo.



Eis um pedacinho do Brasil mais turístico que há... Estrutura hoteleira de nível internacional. E o aeroporto então... Excelente! Fora casas de espetáculos, boates, bares, restaurantes, shoppings etc. , para atender a gregos e troianos, quero dizer, portugueses, alemães, cearenses, paulistas, gaúchos... Praticamente, gente do mundo todo.

Entre outros atrativos turísticos, o visitante vai se deslumbrar ao apreciar os casarios construídos nos moldes arquitetônicos portugueses, holandeses e franceses. E também se surpreender com a modernidade da cidade, com suas avenidas e prédios imponentes e opções de lazer nos sete dias da semana. Não fique doente por ainda não conhecer a terra do sociólogo Gilberto Freire, Chico Science e de tantos outros ícones brasileiros. Mas se ao viajar, infelizmente você ficar dodói por aqui, não se preocupe. Recife detém o segundo maior pólo médico do Brasil.

Fonte: Revista Rota Viva / Recife Convention Visitors Bureau / Ano III Nº 10

Nenhum comentário: