terça-feira, 9 de junho de 2009

O corredor “Jackson Five”, de São Paulo

Passei alguns dias no estado de São Paulo e precisei ir até a Capital para rever uns amigos. Fui de carro. Dirigir no centro de São Paulo requer sempre muita adrenalina. Ainda que tenha morado nesta megalópole e minha experiência no trânsito se enquadre nas configurações avançadas.

Os sentidos, ainda assim, ficam aguçados.



Entrando na cidade observei lá adiante uma fila de motos. Pensei tratar-se de um acidente, um desvio ou qualquer coisa do tipo. Comentei com a pessoa que estava comigo.



São os “Jackson’s Fives” – ela respondeu.

Sorri. Jackson Five foi uma banda que fez muito sucesso nos anos 90. Pensei tratar-se de uma brincadeira.

Que conversa é essa? – perguntei.

Você não tá sabendo? São os motoboys. Eles passam entre os carros na maior velocidade. Saem costurando. E ficam com raiva quando algum carro impede a passagem deles... Chegam a chutar a lateral do carro...



Olhei para o carro da frente. Percebi então o quanto ele estava próximo da faixa esquerda da via. Medo ou prudência?



Eles às vezes, até quebram o retrovisor dos carros...

Não acredito - Falei. Em seguida, olhei para o retrovisor direito. Conseguí visualizar um corredor entre os carros. Em instantes dezenas de "jacksons" surgiram do nada e passaram fazendo um "buzinaço" entre os veiculos, aparentemente parados.



Gente! Não tem jeito. Diante dessa situação em que se encontra o trãnsito, existem duas alternativas. Nossa sugestão primeira é:



Você manter uma distância de segurança razoável entre os carros afim de que possa ser institucionalizado o "Corredor Jackson Five" (veja foto acima);

Ou se preferir...



Utilize mais os serviços de Táxi. É a única saída.

A TÁXI COMPANY RECOMENDA!

Para relaxar, divirta-se assistindo o vídeo do Jackson Five, O Motoboy, na pessoa do Marco Luque...

Nenhum comentário: